in

Altice Portugal confirma que antena caída em Alcabideche é “sua propriedade”

Lisboa, 17 jun 2020 (Lusa) – A Altice Portugal confirmou hoje que a antena de telecomunicações que caiu em Alcabideche e que feriu gravemente dois trabalhadores “é da sua propriedade”, tendo acionado “de imediato” o gabinete de crise para acompanhar a situação.

Dois trabalhadores ficaram hoje gravemente feridos na sequência da queda de uma antena de telecomunicações da Altice Portugal em Alcabideche, concelho de Cascais.

Em comunicado, a “Altice Portugal confirma que a antena de telecomunicações caída em Alcabideche, situada no seu edifício, é de sua propriedade e estava a ser intervencionada pela Viatel, empresa contratada para a manutenção e revisionamento da mesma”.

A dona da Meo refere ainda que “acionou de imediato o seu gabinete de crise, no sentido de acompanhar a situação e garantir o cabal apuramento dos factos ocorrido, tendo solicitado de imediato a abertura de um processo de inquérito e averiguação”.

O grupo liderado por Alexandre Fonseca adianta que “que as seguradoras já foram informadas do ocorrido e solicitado o acionamento imediato dos seus serviços”.

“Asseguramos que todos os trabalhos em curso se encontravam a ser executados debaixo de procedimentos de coordenação de segurança em obra”, garante a operadora de telecomunicações, sublinhando que, neste momento, “a principal preocupação da Altice Portugal é a saúde dos dois colaboradores envolvidos neste acidente da empresa contratada”.

Deixe uma resposta

Loading…

0

Covid-19: Menos de 5% dos 400 trabalhadores da DHL da Azambuja testaram positivo

Enfermeiros apelam ao consenso entre partidos para a valorização da carreira