Bebé de 10 meses morre em despiste para ravina

Dinis Medeiros, um bebé de 10 meses, e Sílvio Moreira, de 70 anos, morreram esta terça-feira, num violento despiste, na EN108, em Canelas, Penafiel, que deixou ainda uma mulher de 48 anos gravemente ferida e duas jovens, de 12 e 20, com ferimentos ligeiros.

PUB

Os cinco passageiros da carrinha tinham estado vários dias na casa do homem que perdeu a vida, em Santa Maria da Feira, e iam a caminho de Alpendorada, Marco de Canaveses.

Pelas 12h00, a viatura caiu, descontrolada, por uma ravina com cerca de 50 metros, junto ao Douro, e ficou submersa numa represa.

“À nossa chegada, três vítimas estavam em paragem cardiorrespiratória. Felizmente, conseguimos reverter o estado da vítima de 48 anos”, disse ao CM Marco Ferreira, comandante da corporação de Entre-os-Rios.

Os operacionais ainda tentaram a reanimação do bebé – filho da jovem de 20 anos – durante mais de uma hora, sem sucesso.

Em Alpendorada, os vizinhos de Fernanda Carvalho, a ferida de 48 anos e ex-companheira de Sílvio Moreira, mostravam- -se ontem muito consternados.

“Somos vizinhas há pouco tempo, mas mal soubemos da notícia, ficámos tristes e estamos solidários com a família”, disse Benvinda Gonçalves.

Os cadáveres foram removidos pelos bombeiros de Entre-os-Rios para o gabinete médico-legal de Penafiel. Os três feridos foram transportados para o Hospital Padre Américo.

O Núcleo de Investigação de Crimes em Acidentes de Viação da GNR foi ao local e está a investigar as causas do despiste fatal.

PORMENORES

Relações entre as vítimas: Sílvio Moreira, vítima mortal e condutor do carro que se despistou, era ex-companheiro de Fernanda Carvalho, de 48 anos, que sofreu ferimentos graves. O bebé, Dinis Medeiros, era filho da jovem de 20 anos que sofreu ferimentos ligeiros e neto de Fernanda Carvalho. A menina de 12 anos é filha de Sílvio e de Fernanda. O atual companheiro desta mulher está emigrado em França.

Projetadas da carrinha: À chegada dos bombeiros, as vítimas de 12 e 20 anos estavam já fora da viatura – uma na margem da represa e a outra dentro de água. Viajavam no banco traseiro do carro e estariam sem o cinto de segurança colocado no momento do acidente, acabando por ser projetadas.

Cadeira de bebé: O bebé, Dinis Medeiros, de 10 meses, era transportado numa cadeira de segurança. Durante a queda, de cerca de 50 metros, foi projetado do equipamento, mas ficou preso dentro do veículo. Esteve submerso durante vários minutos, no interior do carro, e entrou em paragem cardiorrespiratória.

Publicado originalmente em: Correio da Manhã

Outros conteúdos na web

Comente, qual a sua opinião?
A carregar...

Artigos recomendados

Artigos recomendados