in

Câmara de Lisboa quer adquirir terreno para construir centro de saúde do Beato

Lisboa, 08 jul 2020 (Lusa) – A Câmara de Lisboa discute na quinta-feira a aquisição de uma parcela de terreno do Estado, no valor de 1,1 milhões de euros, para a construção do centro de saúde do Beato. 

Segundo a proposta, à qual a agência Lusa teve acesso, o município identificou uma parcela de terreno, situada na Rua Marquês de Olhão, na freguesia do Beato, “que pelas suas caraterísticas e localização contígua com a propriedade municipal oferece boas condições para a construção do novo centro de saúde”.

A autarquia acrescenta que foi desenvolvido um projeto de arquitetura para aquela parcela, coordenado pela Sociedade de Reabilitação Urbana (SRU), empresa municipal responsável pelas obras destes centros de saúde, “com uma área de implantação de 719m2, uma área de construção total de 1.153,28 m2, distribuída por dois pisos, piso 0 e piso 1, e pátio exterior”.

A aquisição já foi autorizada pelo primeiro-ministro, sendo agora necessárias as aprovações da Câmara de Lisboa e da Assembleia Municipal, refere ainda a proposta.

Em março de 2017, o município e a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo celebraram um acordo de colaboração, designado de “Lisboa, SNS Mais Próximo”, para a construção ou adaptação de 14 unidades de saúde. 

Esta iniciativa, realça a autarquia, “permitirá responder de forma mais eficiente, na área de prestação de serviços de saúde primários, às necessidades dos utentes que deles vão beneficiar”.

 

Deixe uma resposta

Loading…

0

Segurança Social já recebeu 191 requerimentos para estatuto do cuidador informal

Covid-19: Ordem dos Médicos apoia clínicos que recusaram lar em Reguengos de Monsaraz