in

Cancelado plenário de trabalhadores da Soflusa para quinta-feira

Barreiro, Setúbal, 08 jul 2020 (Lusa) — O plenário de trabalhadores da Soflusa que estava marcado para quinta-feira foi hoje cancelado, porque a empresa de transporte fluvial aceitou reiniciar a negociação coletiva, pelo que não vão existir perturbações no serviço, informou fonte sindical.

“A administração fez uma das principais coisas que tínhamos pedido no pré-aviso de plenário, o reinício das negociações, o que vai fazer para a semana com a marcação de reuniões”, adiantou à Lusa Carlos Costa, da Federação dos Sindicatos de Transportes e Comunicações (FECTRANS).

Segundo o responsável, o sindicato queria ouvir os trabalhadores porque a negociação das carreiras “já tinha sido reiniciada noutras empresas da tutela [Ministério do Ambiente], como é o caso do Metro”.

“Nós estávamos a ficar para trás e queríamos saber qual a opinião deles, mas a empresa marcou as reuniões para as duas empresas de transporte fluvial e, no caso da Soflusa, houve tempo para desmarcar o plenário. Com a Transtejo não, porque foi em cima da hora”, explicou.

O plenário da Soflusa estava marcado para quinta-feira entre as 09:00 e as 11:00, enquanto o da Transtejo está hoje a decorrer desde as 14:30 até as 17:30.

Na terça-feira, a administração das duas empresas informou na sua página da internet que as ligações fluviais deveriam parar na tarde de hoje e as da Soflusa na quinta-feira de manhã devido a dois plenários de trabalhadores convocados pelos sindicatos.

No entanto, divulgou hoje outra nota onde deu conta que “em virtude do cancelamento do plenário Soflusa agendado para quinta-feira, o serviço de transporte na ligação fluvial Barreiro — Terreiro do Paço será realizado sem qualquer alteração”.

A administração das duas empresas confirmou que se mantém agendado para hoje o plenário dos trabalhadores da Transtejo, “cuja realização originará uma interrupção temporária do serviço regular nas ligações fluviais de Cacilhas, Montijo, Seixal e Trafaria”, no distrito de Setúbal. 

De acordo com empresa, nos terminais de Almada, estima-se que as ligações fluviais de Cacilhas fiquem hoje interrompidas entre as 14:20 e as 17:35, enquanto as da Trafaria/Porto Brandão devem parar entre as 09:30 e as 19:00.

No concelho do Seixal, o serviço pode paralisar das 14:00 às 18:15 e, no Montijo, entre as 13:30 e as 18:30.

Já as ligações fluviais do Cais do Sodré a todos estes terminais devem estar interrompidas entre as 13:00 e as 18:00.

“A Transtejo e Soflusa espera que tal interrupção de serviço seja curta, de modo a minimizar o impacto da mesma na mobilidade dos utilizadores do transporte público fluvial”, mencionou.

As empresas têm a mesma administração e ambas asseguram as ligações fluviais entre a Margem Sul e Lisboa, mas a Transtejo é responsável pelos terminais do Seixal, Montijo, Cacilhas e Trafaria/Porto Brandão, no distrito de Setúbal, enquanto a Soflusa faz a travessia entre o Barreiro e o Terreiro do Paço, em Lisboa.

 

Deixe uma resposta

Loading…

0

Advogado João Araújo morreu hoje em Lisboa

Suinicultores obrigados a declarar porcos em agosto