in

‘Casados’: Quatro casais com fim à vista. Saiba quem desistiu nas primeiras cerimónias

A segunda temporada de ‘Casados à Primeira Vista‘ da SIC tem sido marcada por grandes surpresas. Apesar de alguns casais até terem demonstrado alguma afinidade, os especialistas voltam a não acertar.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Dos seis casais já apresentados, quatro deles vão desistir durante o primeiro mês da experiência.

O par Ana Raquel e Paulo e ainda o casal Lurdes e António decidem desistir do programa, já no próximo domingo, naquela que será a primeira cerimónia de compromisso.

Apesar de ter abandonado Lucas, Anabela voltou ao programa durante o jantar com a decisão de desistir, mas o casal apenas abandona a experiência no programa que vai para o ar no dia 10 de novembro.

A grande surpresa vai para Liliana e Pedro, que também optaram por se separar, no episódio que será transmitido a 24 de novembro.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Estes quatro casais não aguentaram o primeiro mês da experiência.

O final também já é conhecido e dos outros casais, nem todos quiseram continuar a relação fora do programa.

No que diz respeito à renovação de votos, apenas dois casais mostraram vontade de permanecer juntos.

Inês e Hugo construíram ao longo do programa uma relação séria. As personalidades parecem ter sido compatíveis e os dois renovaram os votos e saíram casados do programa. Ainda assim, sabe-se que já se terão separado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Os telespetadores ainda vão conhecer mais um casal, que apenas chega no inicio de Novembro. Tatiana e Bruno vão ficar juntos no final.

PUBLICIDADE  

Receba notícias de última hora e ainda informações importantes sobre Portugal e o mundo, basta clicar no gosto da nossa página de facebook ➜  

Receba notícias de última hora e ainda informações importantes sobre Portugal e o mundo, basta clicar no gosto ➜  

Receba notícias de última hora e ainda informações importantes sobre Portugal e o mundo, basta clicar no gosto ➜  

Deixe uma resposta

Loading…

0

ARTIGOS RECOMENDADOS

Cirurgia de Marcelo Rebelo de Sousa terminou “com sucesso”

Lionel Messi à frente de Cristiano Ronaldo