in

Covid-19: Lisboa e Vale do Tejo regista quase 70% das novas infeções

Lisboa, 01 jul 2020 (Lusa) – A região de Lisboa e Vale do Tejo (LVT) registou hoje quase 70% dos novos casos de covid-19, com 218 das 313 infeções reportadas desde terça-feira no país, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS).

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela DGS, LVT tem 69,6% dos novos casos, percentagem que sofreu uma descida de 12,4 pontos percentuais relativamente aos dados de terça-feira, quando a região tinha reportado 82% dos novos casos de covid-19 em Portugal.

Apesar da descida da percentagem de novos casos face aos dados de todo o território nacional, LVT verificou hoje um aumento das situações de infeção, com mais 30 casos num total de 218 em comparação com 188 contabilizados na terça-feira.

Na terça-feira, LVT tinha 82% dos novos casos, na segunda-feira e no domingo 85%, no sábado 79%, na sexta-feira 75,2% e na quinta-feira 77%.

Nas últimas 24 horas, a região Norte reportou 64 novas infeções (20,4% dos novos casos), a região Centro tem 11 novos casos (3,5%), a região do Alentejo tem sete novos casos (2,2%) e a região do Algarve verificou 14 novas infeções de covid-19 (4,4%).

As regiões autónomas dos Açores e da Madeira mantêm a mesma situação desde segunda-feira, sem registo de novos casos de infeção e sem novas mortes pela covid-19.

No total, a região de LVT tem já 19.383 casos, o Norte 17.585, o Centro 4.121, o Algarve 632, o Alentejo 491, a Região Autónoma dos Açores 150 e a Região Autónoma da Madeira 92.

Os cinco concelhos – Lisboa, Sintra, Loures, Amadora e Odivelas – onde estão situadas as 19 freguesias que, a partir de hoje, vão continuar em estado de calamidade, data em que a generalidade de Portugal Continental passou ao estado de alerta e a Área Metropolitana de Lisboa (AML) ao estado de contingência, reportaram 48,6% dos novos casos diários de LVT, 152 das 313 infeções.

Lisboa continua a ser o concelho com maior número de infeções, com 3.544 casos, tendo reportado 42 novas infeções nas últimas 24 horas, enquanto em Sintra, o segundo concelho da AML com mais casos, 2.704, foram reportadas mais 36 infeções do que na terça-feira.

Ainda na AML, Loures está com 1.856 casos (+29), Amadora tem 1.718 (+21) e Odivelas tem 1.125 (+24).

Além destes cinco concelhos, outros dos concelhos da região de LVT com mais casos são: Cascais, com 964 (mais 12 do que na terça-feira), Oeiras, com 810 (+15), Vila Franca de Xira, com 780 (+12), Seixal, com 604 (+14) e Almada, com 593 (+5).

Dos cinco concelhos da região Norte com maior número de casos, apenas Vila Nova de Gaia reportou novos casos desde terça-feira, mais 11 infeções. No total, o concelho já tem 1.661 casos.

Os concelhos do Porto (1.414 casos), de Matosinhos (1.292), de Braga (1.256) e de Gondomar (1.093) voltaram a não registar novas infeções.

A DGS realça que os números apresentados se referem ao total de notificações médicas no sistema SINAVE (excluindo notificações laboratoriais), pelo que podem não corresponder à totalidade dos casos por concelho.

De acordo com o boletim epidemiológico da DGS, o número de mortes relacionadas com a covid-19 ascende hoje a 1.579 pessoas, enquanto os casos confirmados desde o início da pandemia totalizam 42.454.

Dos três novos óbitos registados nas últimas 24 horas, duas mortes registaram-se na região de LVT e uma no Norte.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 511 mil mortos e infetou mais de 10,5 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Deixe uma resposta

Loading…

0

Covid-19: Turismo português pode perder quase 12,4 mil ME – UNCTAD

Covid-19: GNR vai estar atenta aos ajuntamentos e consumo de álcool na via pública