in

Covid-19: Madeira mantém oito casos ativos e 94 doentes recuperados

Funchal, Madeira, 21 jul 2020 (Lusa) — A Madeira mantém oito casos ativos de infeção por covid-19, detetados no rastreio efetuado no Aeroporto da região, totalizando 102 infetados e 94 doentes recuperados, informou hoje a autoridade de saúde.

No boletim epidemiológico distribuído pelo Instituto da Administração da Saúde (IASAÚDE), pode ler-se que, “até ao fim do dia 20 de julho, foram contabilizadas na Região Autónoma da Madeira 1.559 notificações de casos suspeitos de covid-19, 1.457 das quais não se confirmaram”.

Os oito casos que se mantêm ativos “são importados” e foram “identificados no contexto das atividades de vigilância implementadas na Unidade de Rastreio de covid-19 do Aeroporto da Madeira”, no Funchal.

Destes doentes, quatro “foram transferidos” da Unidade de Internamento do Hospital Dr. Nélio Mendonça, no Funchal, para uma unidade hoteleira, “onde permanecerão em isolamento e acompanhados pelas autoridades de saúde”, estando os restantes em domicílio próprio.

“À data, 10.592 pessoas estão a ser acompanhadas pelas autoridades de saúde dos vários concelhos da região, agora com recurso à aplicação ‘MadeiraSafeToDiscover’, e 4.566 estão em vigilância ativa”, menciona ainda o IASAÚDE.

Na operação de rastreio de viajantes efetuada à entrada nos aeroportos da Madeira e do Porto Santo, “há a reportar um total cumulativo de 9.923 colheitas para teste à covid-19 realizadas no local” até às 18:30 horas de hoje.

Quanto ao total de testes realizado na Madeira, a autoridade regional de saúde indica que “foram processadas 35.711 amostras até ao fim do dia 20”.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 610 mil mortos e infetou mais de 14,7 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.697 pessoas das 48.898 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Deixe uma resposta

Loading…

0

Covid-19: Governo pretende retoma de todas as modalidades coletivas até ao final de agosto

Presidente da República visita família e corporação de bombeiro morto em Leiria