in

Covid-19: Ministério Público abre inquérito sobre surto em lar de Reguengos de Monsaraz

Reguengos de Monsaraz, Évora, 07 ago 2020 (Lusa) – O Ministério Público (MP) instaurou um inquérito sobre o surto de covid-19 num lar em Reguengos de Monsaraz, no distrito de Évora, que já provocou 18 mortos, revelou hoje à Lusa a Procuradoria-Geral da República (PGR).

Questionada pela agência Lusa, a PGR confirmou a existência de um inquérito sobre o surto de covid-19 que surgiu no lar da Fundação Maria Inácia Vogado Perdigão Silva (FMIVPS), o qual corre termos no Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Évora.

O surto no lar provocou, até quinta-feira, um total 162 casos de infeção, incluindo 18 mortos: 16 utentes, uma funcionária do lar e um homem da comunidade.

No lar, foram contaminados 80 utentes e 26 profissionais, mas a doença propagou-se à comunidade e infetou outras 56 pessoas.

Deixe uma resposta

Loading…

0

Covid-19: Centros de dia podem reabrir a partir de 15 de agosto de forma faseada

Covid-19: Agenda para relançamento económico e social dos Açores com 250 medidas

Sugestões para ti