in

Covid-19: Suspensas todas as atividades do festival Encontros do DeVIR, no Algarve

Faro, 24 mar 2020 (Lusa) — As atividades do festival Encontros do DeVIR, que deviam ter tido início este mês, em várias salas de espetáculo do Algarve, foram todas suspensas ao abrigo da declaração do estado de emergência, foi hoje anunciado.

Em comunicado, a organização adianta que, após o cancelamento das primeiras datas da sexta edição do festival, “todas as atividades” estão agora “suspensas, tendo em conta o atual estado de emergência”.

“A programação deste ano, que inicialmente estava prevista decorrer entre 13 de março e 30 de maio, em várias salas dos concelhos de Faro, Lagos e Loulé, será apresentada numa outra data, a anunciar”, lê-se na nota.

O festival, que este ano decorria sob o tema “Resgate”, previa apresentar, sobretudo, atividades na área da dança contemporânea, entre ‘workshops’, espetáculos, mas também encontros e conferências, contando com um ciclo dedicado à coreógrafa alemã Pina Bausch.

O evento deveria ter arrancado em Faro, a 13 de março, com duas versões do bailado “Sagração da Primavera”, de Stravinsky, uma do coreógrafo francês Xavier Le Roy e, outra, do espanhol Roger Bernat.

O ciclo Pina Bausch tinha como objetivo homenagear a coreógrafa e bailarina que marcou a dança contemporânea, na segunda metade do século XX, com a recriação de algumas das suas peças mais emblemáticas, e a apresentação de vídeos, em torno das suas obras.

Vera Mantero, Eduardo Fukushima, Bassam Abou Diab, Tabea Martin, Francesca Foscarini, Emanuel Gat e Francisco Camacho são outros dos nomes da dança contemporânea que estavam integrados na programação do festival.

Sugestões para ti