in

Criança abalroada por carro no Seixal ao fugir de agressões dos colegas

Facebook

Um menino de 13 anos foi, quinta-feira passada, atropelado quando tentava atravessar a correr uma estrada nacional, no Seixal, para fugir de colegas raparigas que o importunavam, num contexto que está a ser denunciado nas redes sociais como bullying. O rapaz sofreu ferimentos, foi levado ao hospital e estará a recuperar bem. Fonte da PSP confirma que os intervenientes foram “todos identificados e o processo remetido ao Ministério Público”.

Num vídeo com pouco mais de um minuto, divulgado nas redes sociais da internet, pode ver-se uma rapariga (de um grupo de várias) a agredir o jovem e este a encolher-se e tentar escapar-lhes. A agressora é encorajada por outros – “vai lá, vai lá” – e persegue a vítima pela berma da Estrada Nacional 10-2, também conhecido como avenida Metalúrgicos. O menino atravessa uma vez a estrada a correr, com a agressora atrás, e quando o tenta fazer uma segunda vez é atropelado.

As imagens podem chocar os mais sensíveis.

Os intervenientes serão todos alunos da escola Dr António Augusto Louro, na Arrentela.

Este artigo foi publicado originalmente no Correio da Manhã

Sugestões para ti