in

Empresário português executado a tiro na África do Sul

Direitos Reservados

Um empresário português, de 42 anos, foi executado a tiro quando saía da loja de material elétrico que explorava em Malvern, um subúrbio de Joanesburgo, na África do Sul, na segunda-feira.

Alexandre Rosa Agostinho, com origens na zona de Ourém e Leiria, foi atingido por disparos efetuados a partir de dois carros em andamento e teve morte imediata.

Os três empregados que o acompanhavam escaparam ilesos. Nada foi roubado, o que leva as autoridades a suspeitar que se tratou de uma execução, por motivos ainda não esclarecidos.

A vítima deixa dois filhos, de oito e seis anos. O crime ocorreu numa zona onde vive uma grande comunidade lusa.

Este artigo foi publicado originalmente no Correio da Manhã

Deixe uma resposta

Loading…

0

Homem apanhado a furtar catalisador

Conheça os 10 sinais que indicam se esteve infetado pela Covid-19