in

Encontrado corpo de menino de 14 anos que morreu afogado no rio Tua, em Mirandela

CMTV

O corpo do jovem, com cerca de 14 anos, que desapareceu esta quarta-feira na praia fluvial Arquiteto Albino Mendo, no rio Tua, em Mirandela, foi encontrado por volta das 20h35, perto do local onde desapareceu.

“Ele estava muito perto do sítio onde era expectável que o pudéssemos encontrar, estava a dois, quatro metros do sítio de onde terá desaparecido”, informou o comandante dos bombeiros de Mirandela, Luís Carlos Soares.

O jovem de 14 anos foi encontrado pela equipa de mergulhares, que ainda se encontravam a fazer buscas no rio, “por volta das 20:40” e “estava a cerca de três, quatro metros de profundidade”, segundo o comandante.

O corpo seguiu para o Instituto de Medicina Legal de Mirandela para a realização da autópsia.

O alerta para o afogamento foi dado “perto das 15:00” e nas buscas no rio Tua participaram meios, nomeadamente duas equipas com oito mergulhadores das corporações de bombeiros de Mirandela, Macedo de Cavaleiros e Bragança.

O jovem estaria a nadar com outros amigos na praia fluvial Arquiteto Albino Mendo, no rio Tua, que atravessa a cidade de Mirandela, quando desapareceu na água.

De acordo com o comandante, “a principal dificuldade” que os mergulhadores encontraram foi “uma condição de visibilidade muito reduzida” que dificultou as operações no leito do rio.

Segundo o que o Correio da Manhã consegui apurar, o adolescente estaria em lazer com os colegas de escola e terá mergulhado ao rio, tendo desaparecido cerca das 15h20.

O jovem terá mergulhado ao rio com um amigo, que também teve sérias dificuldades em atravessar o rio, tendo sido resgatado.

Sugestões para ti