PUB

Estudo: 75% da cannabis vendida nas ruas contém “matéria fecal”

0 1.030

É uma revelação perturbadora para os consumidores espanhóis de cannabis. Um farmacêutico da Universidad Complutense de Madrid encontrou resíduos fecais em 75% das 90 amostras de resina de cannabis que analisou, relata o HuffPost.

PUB

Durante um ano, Manuel Pérez Moreno comprou e analisou amostras de cannabis vendidas nas ruas de Madrid e arredores. O investigador conduziu o estudo às suas próprias custas:

“Eu não poderia ter pedido uma bolsa para comprar haxixe”, revela ao El Pais.

De acordo com o estudo que publicou na revista Forensic Science International, a resina de cannabis vendida em Madrid representa “um perigo para a saúde pública”.

Três quartos das amostras analisadas continham bactérias E. coli em grandes quantidades.

Segundo o estudo, a contaminação deve-se à maneira como os traficantes transportam a cannabis de Marrocos para Espanha, explica a mesma fonte.

As “mulas” engolem “pellets” contendo resina de cannabis previamente embrulhada em película plástica:

“Eles engolem um por um depois de comer um iogurte para neutralizar a acidez do estômago”, diz o diário espanhol. Uma vez em Espanha, eles “expulsam” tudo pela via anal, depois de ingerir um laxante.

Os pellets de plástico são vendidos depois nas ruas de Madrid. Segundo o El País, Manuel Pérez Moreno chegou a detectar odores fecais em 40% dos pellets comprados.

Outros conteúdos na web

Comente, qual a sua opinião?
A carregar...

Artigos recomendados

Artigos recomendados