Exército compra 36 drones para detetar incêndios

Detectamos que usa um AdBlock

Utilizamos anúncios para ajudar a manter o nosso site, considere desativar o AdBlock (bloqueador de anúncios) no nosso site para poder ver os conteúdos.

Os nossos anúncios não são intrusivos!

36 aeronaves no valor de 5,7 milhões começam a chegar em março do próximo ano e a ser equipadas com sensores de calor.

O Exército vai começar a receber drones já no próximo ano, cuja principal missão vai ser a deteção de fogos florestais, isto no âmbito do incremento do papel das Forças Armadas nas missões de proteção civil, soube o JN.

O envolvimento deste tipo de equipamentos parece enquadrar-se no que o primeiro-ministro, António Costa, referiu no Conselho de Ministros de dia 21 de outubro como sendo meios militares de “apoio à decisão”, mas sem os especificar.

Este artigo foi publicado originalmente no Jornal de Notícias

Qual a sua opinião?