in

Explosivo rebenta nas mãos de rapaz de 11 anos em Viana do Castelo

Um rapaz de 11 anos ficou esta terça-feira em estado grave na sequência de uma explosão em Santa Marta de Portuzelo, Viana do Castelo, tendo sido transferido para o hospital de São João, no Porto, informou a GNR.

O alerta foi dado cerca das 13h30, para a rua da Videira, em Viana do Castelo. Ao que o Correio da Manhã apurou, o explosivo terá rebentado nas mãos da criança, tendo ficado sem três dedos de uma mão. 

A criança encontrou o explosivo num terreno dos pais e sem saber que se tratava de um objeto perigoso terá dado algumas marteladas no explosivo que acabou por lhe rebentar na mão e causar-lhe ferimentos graves. 

Quando o incidente aconteceu, o rapaz estava acompanhado dos pais e de um outro irmão mais novo, tendo sido o único a sofrer ferimentos. 

A GNR já identificou o explosivo e tratar-se-á de um detonador de uso profissional cuja origem não está ainda determinada.

Este artigo foi publicado originalmente no Correio da Manhã

Deixe uma resposta

Loading…

0

Cerca de 86 mil famílias retomam pagamento dos empréstimos em abril

Segurança: Roubos a farmácias, residências e viaturas entre os crimes violentos que subiram em 2020