in

GNR apreende mais de 100 cavalos em explorações pecuárias do distrito de Beja

Redação, 08 nov 2019 (Lusa) – Mais de 100 cavalos foram apreendidos na quarta-feira durante uma fiscalização a duas explorações pecuárias, nos concelhos de Aljustrel e Ferreira do Alentejo, no distrito de Beja, adiantou hoje a Guarda Nacional Republicana (GNR).

Em comunicado, a GNR refere que o Comando Territorial de Beja, através do Núcleo de Proteção Ambiental de Aljustrel, apreendeu 104 cavalos.

A fiscalização da GNR foi efetuada na sequência de uma denúncia para a linha SOS Ambiente e Território.

A GNR fiscalizou 115 cavalos, dos quais 104 foram levados por falta de identificação e de condições de salubridade.

“No seguimento da fiscalização foi ainda detetada uma infração por falta de registo de exploração pecuária e levantados os autos de contraordenação por falta de identificação de equídeos e de bem-estar animal, punidos com coimas cujo valor máximo pode atingir os 3.750 euros”, adianta a GNR na nota.

A ação de fiscalização foi realizada em conjunto com elementos da Direção-Geral de Alimentação e Veterinária do Alentejo, da Direção Regional de Agricultura e Pescas do Alentejo e dos Médicos Veterinários Municipais de Aljustrel e Ferreira do Alentejo.

Deixe uma resposta

Loading…

0

Mundial é única ausência nas 1.000 ‘peças’ do ‘puzzle’ de Cristiano Ronaldo

Detida presumível mãe de bebé abandonado em caixote do lixo em Lisboa