Homem dispara sobre polícia e faz reféns em supermercado francês

Detectámos que tem um Ad Block ativo

Utilizamos anúncios para ajudar a manter o nosso site, considere desativar o Ad Block (bloqueador de anúncios) no nosso site para poder ver os conteúdos.

Os nossos anúncios não são intrusivos!

Um homem disparou, esta sexta-feira, sobre um polícia e fez reféns num supermercado, em Trèbes, em França. Pelo menos uma pessoa morreu.

Segundo o “Le Figaro”, há já um morto confirmado. Trata-se de um funcionário do supermercado.

Há testemunhas que dizem que o sequestrador está armado com uma faca, uma pistola e granadas.

Segundo a Reuters, o autarca local explicou que, neste momento, o sequestrador está agora apenas acompanhado de um polícia dentro do edifício. Todos os outros reféns foram libertados.

A polícia montou uma grande operação no local, que está cercado. O primeiro-ministro francês está também a caminho de Trèbes.

Tudo começou esta manhã, quando quatro agentes da polícia corriam na rua, em Carcassone. Um homem que seguia numa viatura disparou sobre o grupo. Um dos agentes ficou ferido e recebeu os primeiros-socorros no local, dado pelos colegas. Seguiu depois para o hospital.

Segundo a BFMTV, o mesmo indivíduo seguiu depois para um supermercado em Trèbles. O homem, que afirmou agir em nome do grupo ‘jihadista’ Estado Islâmico, entrou no Super U cerca das 11:00 (10:00 em Portugal Continental) e foram ouvidos tiros, segundo fonte judicial citada pela agência France-Presse.

Trèbes fica a 10 quilómetros de Carcassone, no sul de França.

Este artigo foi publicado originalmente no Jornal de Notícias

Recomendações

Recomendações

Comente, dê a sua opinião!