in

Incêndio na Covilhã passou para o Fundão mas combate decorre “favoravelmente” – CODIS

Redação, 25 ago 2020 (Lusa) — O incêndio que deflagrou às 14:25 de hoje no concelho da Covilhã, Castelo Branco, atravessou a “zona limite” com o município do Fundão, no mesmo distrito, mas o combate às chamas está a “decorrer favoravelmente”, informou a Proteção Civil.

Em declarações à agência Lusa, o comandante distrital de Operações de Socorro de Castelo Branco, Francisco Peraboa, disse que o combate às chamas “está a decorrer favoravelmente, mas [o fogo] passou a zona limite entre a Covilhã e o Fundão”.

Contudo, o incêndio, que deflagrou na freguesia de Aldeia de São Francisco de Assis (concelho da Covilhã), está “a progredir com pouca intensidade” e “nas próximas horas será resolvido”.

Questionado sobre o quais os fatores que estão a dificultar o combate ao fogo, o comandante explicou que “está mais demorado pela questão orográfica”, ou seja, são “zonas muito íngremes, com um declive muito acentuado”.

Francisco Peraboa acrescentou que não houve habitações ou povoações “em risco” e que o incêndio apenas está a “afetar áreas de mato e de pinhal”.

Às 20:15 havia “apenas uma frente ativa”, mas a “ceder aos meios” destacados no local para combater as chamas.

A informação disponível no site da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) dá conta de que, às 20:15, estavam 307 elementos no terreno, apoiados por 83 viaturas e ainda três meios aéreos.

Deixe uma resposta

Loading…

0

Benfica perde com Real Madrid na final da UEFA Youth League

Covid-19: Filho mais velho do Presidente brasileiro está infetado