in

Incêndios: Número de bombeiros feridos em Castro Verde sobe para quatro

Castro Verde, Beja, 13 jul 2020 (Lusa) – O número de bombeiros feridos no incêndio que deflagrou hoje à tarde no concelho de Castro Verde, no distrito de Beja, subiu para quatro, tendo sido acionado um helicóptero do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), informou a Proteção Civil.

De acordo com a página na internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), atualizada às 20:00, quatro bombeiros ficaram feridos, não sendo adiantada, no entanto, informação sobre o seu estado de saúde.

Fontes da Proteção Civil tinham dito anteriormente à Lusa que o incêndio tinha provocado queimaduras em dois bombeiros da corporação alentejana de Cuba.

O comandante operacional distrital, Vítor Cabrita, adiantou que o fogo continuava a lavrar, cerca das 19:30, em duas frentes e mobilizava 145 operacionais, com o apoio de 50 veículos e três meios aéreos.

A Estrada Nacional (EN) 2 foi cortada ao trânsito entre Castro Verde e a localidade de Carregueiro e o Itinerário Principal (IP) 2 entre a povoação de Entradas e Castro Verde, indicou à Lusa fonte da GNR.

O alerta foi dado às 17:07, tendo o fogo de “grandes dimensões” em áreas de mato e seara deflagrado em Lagoa da Mó, perto de Casével, concelho de Castro Verde, referiu à Lusa o Comando Distrital de Operações de Socorro de Beja.

Deixe uma resposta

Loading…

0

Salários da administração da CGD aumentaram em 2019 com início de pagamento de bónus

Covid-19: Porto apela a adeptos que evitem concentrações na celebração de títulos