in

Informação operacional da Proteção Civil encontra-se indisponível na Internet

Redação, 08 jul 2020 (Lusa) — A informação operacional da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) encontra-se desde terça-feira “temporariamente indisponível” no sítio oficial da Internet, devido a problemas técnicos.

“Por razões técnicas, a informação operacional está temporariamente indisponível na área habitual. Estamos a resolver a situação”, pode ler-se numa pequena nota publicada no sítio http://www.prociv.pt/.

Enquanto o problema não é resolvido, a ANEPC está a dar conta das ocorrências, por distrito, às 09:00 e às 19:00.

Até ao momento, de acordo com a ProCiv, não há a registar incêndios rurais significativos e todas as ocorrências foram resolvidas no ataque inicial.

Contactada pela agência Lusa, fonte da ANEPC escusou-se a dar mais explicações.

Na segunda-feira, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil decretou a passagem de 10 distritos, maioritariamente no interior, ao estado de alerta especial laranja durante 72 horas devido a risco de incêndio rural muito elevado ou máximo.

A informação foi avançada em conferência de imprensa na sede da ANEPC (Oeiras), pelo comandante operacional nacional, Duarte Costa, que afirmou estarem “reunidas as condições favoráveis à eventual ocorrência da propagação de incêndios rurais”, tendo por base as previsões meteorológicas do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

O IPMA previu tempo seco e quente, durante três dias, com humidade relativa no ar inferior a 20%, vento moderado a forte, sobretudo nas terras altas, temperaturas máximas superiores a 36 graus no sotavento algarvio e no interior norte e possibilidade de trovoada seca no interior norte e centro.

“A ANEPC, através do seu comando nacional, decretou a passagem para o estado de alerta especial laranja para os seguintes distritos: Beja, Bragança, Castelo Branco, Évora, Faro, Guarda, Portalegre, Santarém, Vila Real e Viseu”, disse o comandante Duarte Costa, na ocasião.

Deixe uma resposta

Loading…

0

Regime de renda variável nos centros comerciais beneficia grandes grupos – associação

Estudantes terão mais mil camas e está em estudo recorrer a alojamentos locais