João Marinho desapareceu há 3 meses. Os dados sobre o misterioso caso de Azeitão

João Marinho desapareceu há 92 dias. O homem de 74 anos saiu de casa em Azeitão, a 9 de junho, sem deixar rasto.

Saiu para caminhar e nunca mais voltou. As buscas começaram no dia seguinte ao desaparecimento.

Vestido levava um polo, uns calções azuis escuros e calçava uns mocassins. Deixou para trás os óculos graduados e o telemóvel.

Foi a casa da prima, a pé. Este foi caminho terá percorrido. Quis saber se Tó, o primo, estava em casa.

O objetivo era caminharem juntos, como habitualmente acontecia.

A mulher e a filha têm cada vez menos esperança de o encontrar com vida.

A Polícia Judiciária de Setúbal abriu um inquérito e está a investigar o misterioso desaparecimento.

Foram realizadas buscas à habitação de João Marinho, em Almada, de onde recolheu o telemóvel e computador para analisar.

A PJ não afasta qualquer tese. Crime, acidente, rapto ou suicídio. O caso continua aberto.

Recomendados

Recomendados

Comente, qual a sua opinião?
A carregar...

Outros conteúdos na web