in

Lúcido, colaborante e muito bem-disposto: Alta hospitalar do pequeno Noah decidida esta segunda-feira

Facebook

O bebé Noah, que esteve desaparecido entre quarta-feira e quinta-feira em Proença-a-Velha, encontra-se lúcido, colaborante e muito bem disposto no hospital onde se mantém internado. 

O menino, de dois anos, já recebeu a visita do pai e da irmã. De acordo com um comunicado da direção clínica do Hospital de Castelo Branco emitido este domingo, o menino revela uma “ótima relação familiar” e a alta hospitalar já está a ser planeada. 

Os responsáveis hospitalares adiantam, na mesma nota, que esta segunda-feira a equipa de profissionais médicos, pediatra, assistente social e psicóloga reúnem para analisar o estado clínico do menino e planear a alta.

Apesar de estável, o pequeno Noah, mantém-se internado no Serviço de Pediatria por uma questão de recuperação devido aos muitos quilómetros que percorreu, cerca de 10 quilómetros. 

A diretora Clínica do Hospital sublinha, porém, que o menino não se encontra em nenhuma situação de perigo de vida.

Noah está internado no Hospital Amato Lusitano, em Castelo Branco, desde as 22h30 de quinta-feira.

O menino foi encontrado às 20h00 desse dia a vaguear numa zona de mato e floresta entre as aldeias de Medelim e Proença a Velha, onde reside com os pais e de onde tinha desaparecido 36 horas antes.

Ao longo de quase dois dias, as buscas pela criança de dois anos e meio mobilizaram quase 150 militares da GNR, Bombeiros e Sapadores florestais e duas centenas de voluntários civis de vários pontos do país.

Este artigo foi publicado originalmente no Correio da Manhã

Sugestões para ti