Mãe agride com vassoura e ameaça de morte os seis filhos menores na Moita

“Qualquer dia deixo-vos em casa com o gás ligado e vou-me embora”.

Ainda que de morte, esta até terá sido a ameaça menos grosseira que os seis filhos menores – agora com 19, 17, 13, 11, 8 e 7 anos – ouviram da boca da mãe, até que lhe foram retirados em setembro de 2016, após a menina mais velha ter ido à GNR da Moita denunciar anos de violência, ameaças e maus-tratos físicos e mentais.

A mulher, de 41 anos, foi investigada pela PJ de Setúbal e agora acusada de seis crimes de violência doméstica.

De acordo com a acusação do Ministério Público da Moita, a que o CM teve acesso, um homem de 54 anos, tio do padrasto das crianças, que com elas vivia, e que a partir de 2015 veio a ter com a mãe “uma relação de cariz sexual”, vai responder por “pelo menos” quatro crimes de abuso sexual de crianças agravados.

Toda a história na edição de hoje do Correio da Manhã.

Publicado originalmente em: Correio da Manhã

Outros conteúdos na web

Comente, qual a sua opinião?
A carregar...

Recomendados

Recomendados