Mãe ameaça de morte a filha de três anos por ter perdido tablet

Detectámos que usa um AdBlock

Utilizamos anúncios para ajudar a manter o nosso site, considere desativar o AdBlock (bloqueador de anúncios) no nosso site para poder ver os conteúdos.

Os nossos anúncios não são intrusivos!

Uma mulher foi filmada a agredir violentamente a própria filha, de apenas três anos, depois da criança ter perdido um dispositivo tablet em casa. A mulher chega mesmo a ameaçar a menina de morte.

As imagens, captadas em Bahia Blanca, na Argentina, foram gravadas por uma prima da criança. No vídeo vê-se a mãe a puxar os cabelos à criança, levantando-a e arrastando-a, enquanto a menina chora e grita de dores.

“Dá-me o tablet! Porque é que nunca te lembras onde pões as coisas? Se deixaste o tablet esquecido em algum lado e alguém o rouba eu mato-te”, ouve-se a mulher gritar enquanto esbofeteia a menina.

Segundo as autoridades locais, todos os três filhos daquela mulher foram-lhe retirados depois do vídeo ter sido divulgado nas redes sociais e ficara aos cuidados de uma avó.

Apesar das autoridades não terem divulgado a identidade da mãe agressora, a ampla divulgação do vídeo motivou centenas de comentários de utilizadores irados, que organizaram uma marcha e um protesto à porta da casa da mulher.

A polícia viu-se obrigada a intervir para acalmar os ânimos.

“Foi uma mulher de 54 anos, mãe da agressora, que nos fez chegar o vídeo, em que a mulher, de 33 anos, é filmada a agredir dois dos filhos, de um e três anos. Há uma terceira criança que não aparece nas filmagens.

Todos os menores ficaram a cargo da avó”, explicou fonte policial. A mulher foi detida e está acusada de maus.tratos infantis.

Este artigo foi publicado originalmente no Correio da Manhã

Recomendado pelo Informa+

Qual a sua opinião?