PUB
Categories: Famosos
| Em
14/11/2019 09:19

Marta Cruz desabafa sobre fase das drogas e do álcool: “Estava a matar-me aos poucos”

Tinha 18 anos quando o pai – Carlos Cruz – se tornou arguido do Caso casa Pia. Estávamos em 2002 e aqueles foram tempos complicados para Marta Cruz.

PUB

De tal maneira que a ex-modelo não resistiu aos acontecimentos e sucumbiu. Entregou-se ao mundo das dependências e vivia quase de forma marginal.

Em conversa com Fátima Lopes, no programa ‘A Tarde é Sua’, na TVI, Marta Cruz falou pela primeira vez dessa época.

“Eu sabia que ia magoar os meus pais e desiludir e isso eu não queria. Sabia que eles não mereciam, sabia que estava muito errada. Estava a matar-me aos poucos. “Estou a falar da época do álcool e das drogas, aos 18 anos, quando o meu pai foi preso. “Eu vivia dentro do carro, não ia a casa, pouco ou nada via a minha mãe. Estava constantemente em alta e não os deixava ver-me”, contou.

Na altura, Marta Cruz tinha uma grande exposição pública por causa do seu trabalho como manequim. Esse facto fazia com que estivesse mais vulnerável aos insultos e ofensas por causa do pai.

Foi a mãe, Marluce, quem a resgatou e levou para o Brasil, para longe de tudo.

Hoje, Marta está livre de dependências e tem uma vida mais tranquila.

PUB
Partilhar
Jose Guinot

Sou jornalista desde sempre, diria. Comecei na rádio e passei pela imprensa, na Media Capital Edições, onde estive 11 anos. Jornalismo é o que faço e farei o resto da vida. Provavelmente.

PUB
Comente. Dê a sua opinião!
PUB