Messi em maus lençóis. Após polémica na Copa América, argentino pode enfrentar suspensão de dois anos

Lionel Messi envolveu-se em confrontos com Medel, jogador do Chile, no jogo que definiu o terceiro e quarto lugar da Copa América.

PUB

O argentino e o chileno acabaram por ser os dois expulsos.

No final do encontro, o craque criticou duramente a CONMEBOL, acusando de “corrupção”, afirmando que “estava tudo feito para o Brasil vencer a competição”.

Messi pode enfrentar agora uma suspensão de dois anos.

O relatório do árbitro Mario Díaz de Vivar revela que o cartão vermelho a Messi se deveu ao “uso de linguagem e gestos ofensivos, insultantes ou humilhantes (…)” e “por confrontar o adversário quando a bola já não estava em jogo, aplicando-lhe um golpe forte com o ombro”.

No final do jogo, Messi recusou-se a receber a medalha de bronze.

Messi recusou medalha da Copa América e falou em corrupção

O organismo já afirmou que as declarações de Messi são “inaceitáveis” e se lhe colocar um processo disciplinar, poderá enfrentar uma suspensão de dois anos, falhando a Copa América’2020 e a qualificação para o Mundial’2022.

Outros conteúdos na web

Comente, qual a sua opinião?
A carregar...

Artigos recomendados

Artigos recomendados