Morre engasgado em frente à mulher

Detectámos que tem um Ad Block ativo

Utilizamos anúncios para ajudar a manter o nosso site, considere desativar o Ad Block (bloqueador de anúncios) no nosso site para poder ver os conteúdos.

Os nossos anúncios não são intrusivos!

Um homem de 78 anos morreu esta terça-feira enquanto estava a almoçar num restaurante em Lordelo, Guimarães. Ter-se-á engasgado com um pedaço de carne, mas só a autopsia poderá confirmar a causa da morte.

A mulher da vítima assistiu a tudo e ficou muito abalada. Uma patrulha da GNR foi chamada ao local. Tudo aconteceu cerca das 13h00, quando o idoso estava a comer carne à alentejana.

Cliente habitual do restaurante ‘Provas e Gostas’, em Lordelo, o casal – que reside em Guardizela, no concelho de Guimarães – estava a almoçar quando o reformado se engasgou, após colocar carne na boca. “Começou a apontar para a garganta e levantou-se.

A mulher pediu para que lhe dessem um copo de água e ele até bebeu pela própria mão. Mas segundos depois, ficou sem ar. Foi tudo muito rápido”, contou uma testemunha ao Correio da Manhã.

O idoso, que sofria de doença oncológica, entrou em paragem cardiorrespiratória. Apesar da chegada rápida do INEM ao local, já nada puderam fazer pela vítima, que acabou por morrer no local, dentro da ambulância.

“Estamos todos muito abalados com esta situação. Nunca estamos preparados para um caso destes. Tentamos ajudar e fazer tudo o que estava ao nosso alcance. Infelizmente não foi suficiente”, disse ao CM a proprietária do restaurante.

O cadáver da vítima foi transportado ao Gabinete Médico Legal de Guimarães, onde deve ser autopsiado ainda durante o dia de hoje.

Este artigo foi publicado originalmente no Correio da Manhã

Recomendações

Recomendações

Comente e partilhe a sua opinião!