in

Mulher detida por deixar bebé de dois meses à chuva durante uma hora em Lisboa

Uma mulher foi detida em Lisboa, na segunda-feira, após ter deixado um bebé de cerca de dois meses à chuva durante uma hora, colocando a vida e a integridade física do menor em perigo, anunciou hoje a PSP.

Em comunicado, o Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis) da PSP adiantou que a mulher de 41 anos foi detida na freguesia de São Vicente, pelas 00:15, por ser suspeita de um crime contra a vida.

De acordo com Cometlis, a mulher encontrava-se alcoolizada e estava “há cerca de uma hora com o bebé à chuva, dentro do ‘ovo’, despido e apenas tapado com uma manta”.

“Verificou-se que se tratava de um bebé com cerca de dois meses”, adiantaram as autoridades policiais, realçando que o menor “estava completamente molhado e com um choro compulsivo, denotando-se estar com muito frio e fome”.

Negando a estar a colocar o bebé em perigo, a mãe recusou regressar a casa, não demonstrando estar ciente do estado em que se encontrava o menor, segundo a PSP.

“Verificado que o corpo do bebé estava gélido, foram acionados os meios médicos e perante esta situação, a suspeita reagiu de forma agressiva, quase deixando cair o bebé no solo. Face à conduta apresentada, foi dada voz de detenção à mulher”, pode ler-se no comunicado.

O Cometlis acrescentou que o bebé foi conduzido a uma unidade hospitalar, onde permanece em observação e fora de perigo.

Segundo as autoridades policiais, o menor foi retirado à mãe ao abrigo do artigo 91.º, da Lei de Proteção de Crianças e Jovens em Perigo, face à ocorrência.

A mulher recebeu também tratamento hospitalar e está a aguardar notificação para posteriores diligências processuais.

Deixe uma resposta

Loading…

0

Covid-19: Governo e parceiros sociais reúnem-se na sexta-feira para avaliar medidas

Incêndios: Força Aérea preparada, apesar da pandemia