“Não chores…”: Menino com cancro consola a mãe, sem dinheiro para continuar tratamentos

Detectámos que tem um Ad Block ativo

Utilizamos anúncios para ajudar a manter o nosso site, considere desativar o Ad Block (bloqueador de anúncios) no nosso site para poder ver os conteúdos.

Os nossos anúncios não são intrusivos!

Esta mãe não conteve as lágrimas ao falar sobre os problemas que a família enfrenta, depois de gastar todas as economias para pagar os tratamento do seu filho de 3 anos, e ficar sem dinheiro para os prosseguir.

Li Junyang, que vive no leste da China, sofre de um cancro raro, e já passou por duas operações de peito aberto, sete sessões de radioterapia e sete sessões de quimioterapia, como conta o Daily Mail.

Os pais gastaram todas as suas economias, e já se endividaram em mais de 25.000€, mas os médicos disseram que precisariam de mais 60.000€ para continuar os tratamentos, uma quantia astronómica para esta família de agricultores que teve que deixar o trabalho para tomar conta de Li.

Perante o drama da família, uma instituição de caridade chamada Charity Dahe levou a criança para um hospital em Xangai, para dar melhores cuidados de saúde ao menino.

Num video divulgado pela instituição, a mãe começou a chorar porque ela e o seu parceiro são agricultores humildes, que vivem numa cidade rural na China, e não têm como conseguir mais dinheiro.

“Realmente não temos mais recursos. O meu marido e eu discutimos todos os dias por causa do dinheiro…”

O menino que estava ao colo da mãe disse-lhe: “Mãe, não chores”, disse a criança à mãe, enquanto a tentava consolar.

O video poderoso circulou pela rede social chinesa Weibo, depois de ser divulgada pela instituição de caridade, iniciando uma campanha para angariar recursos e assim manter os tratamentos.

A campanha foi um sucesso, e já conseguiram angariar 55.000€, o suficiente para reiniciar os tratamentos.

Os médicos já alertaram que a estrada é muito longa, e que a criança precisará de mais recursos no futuro para lutar contra a doença.

Recomendações

Recomendações

Comente e partilhe a sua opinião!

Vídeo do dia