Obrigado por visitar o Informa+

Utilizamos cookies para melhorar a experiência do utilizador, fornecer funcionalidades de redes sociais, personalizar conteúdos, anúncios e analisar o tráfego no site. Consente? Pode alterar as suas definições de cookies em qualquer altura.

PUB
Categories: Desporto
| Em
24/01/2020 22:55

Olímpica garante ser virgem aos 37 anos: “O sexo ajuda as atletas e eu corro em desvantagem”

A olímpica norte-americana Lolo Jones admitiu numa reportagem com o ator Kevin Heart, no programa ‘Cold as Balls’, que o facto de ter confessado a sua virgindade – em 2012 – “arruinou” por completo os seus encontros amorosos. A velocista de 37 anos, também atleta de bobsleigh, reconhece que ter feito essa confissão “foi um erro”.

PUB

“‘Matou’ os meus encontros amorosos. Sem hipótese. Antes ia ‘pé ante pé’ e pensava ‘será uma boa altura para lhe contar? Espero até ele conhecer melhor a minha personalidade? Ou largo já a bomba?'”, confessou a atleta.

Jones, que competiu nos Jogos Olímpicos de 2008 (Pequim) e 2012 (Londres), e nos Jogos Olímpicos de Inverno de 2014 (Sochi), conta manter a virgindade até ao casamento. “Percebam que tem sido uma viagem difícil. Manter-me virgem até ao casamento é a coisa mais difícil que já fiz na minha vida, mais difícil do que treinar para uns Jogos Olímpicos ou formar-me na universidade.”

A atleta – que se prepara para ir aos Jogos de Tóquio, este ano – reconheceu na conversa com Kevin Heart que o facto de ser virgem a deixa em “desvantagem” na competição. “Ter relações sexuais ajuda as atletas, eu corro em desvantagem.”

Este artigo foi publicado originalmente no Correio da Manhã
PUB
Receba notícias de última hora e informações importantes sobre Portugal e o mundo, basta clicar gosto ➜  
Partilhar
PUB
Comente. Dê a sua opinião
PUB