in

Parlamento aprova reforço de verbas para PJ e PGR

Lisboa, 06 fev 2020 (Lusa) – O parlamento aprovou hoje o reforço de cinco milhões de euros para a Polícia Judiciária (PJ) e 1,25 milhões de euros para a Procuradoria-Geral da República (PGR), em coligações “negativas” que contornaram os votos contra do PS.

As propostas dos sociais-democratas incluíam um reforço do Mapa II anexo ao Orçamento do Estado para 2020 (OE2020), o “reforço em 5.000.000 euros do montante afeto ao investimento na Polícia Judiciária”.

Esta proposta de reforço na PJ foi aprovada com votos a favor de PSD, BE, PCP, CDS-PP, PAN IL e Chega, abstenção do PEV e da deputada Joacine Katar Moreira e voto contra do PS.

Quanto à PGR, o PSD propunha o “reforço em 1.250.000 milhões de euros do montante afeto à Procuradoria-Geral da República”, na rubrica “Encargos Gerais do Estado”, também no Mapa II do OE2020.

A proposta de reforço na PGR foi aprovada com os votos a favor do PSD, BE, CDS-PP, PAN, IL e Chega, abstenção de PCP, PEV e Joacine Katar Moreira, e contra do PS.

Na terça-feira, tinha sido aprovada uma proposta do PS que possibilita a contratação de 30 especialistas de polícia científica da Polícia Judiciária.

A proposta socialista foi aprovada com os votos favoráveis do PS, CDS-PP e PCP e a abstenção dos restantes partidos, durante o segundo dia de votação na especialidade do OE2020, pela Comissão de Orçamento e Finanças.

Deixe uma resposta

Loading…

0

OE2020: CDS diz que cada um “tirará as suas elações” sobre votação do IVA da eletricidade

OE2020: PCP justifica abstenção com “avanços” conseguidos no orçamento