in

PCP propõe nacionalização imediata do Novo Banco

Lisboa, 21 mai 2020 (Lusa) — O PCP propôs hoje, na Assembleia da República, que se “inicie de imediato o processo de integração” do Novo Banco “na esfera pública” ou nacionalização.

Os comunistas propõem que “o Governo reverta o contrato de venda do Novo Banco, garantindo que eventuais indemnizações incidam exclusivamente sobre o montante injetado pela Lone Star, deduzido de eventuais ganhos decorrentes da gestão de ativos do banco, ou de práticas de gestão danosa”, lê-se numa nota divulgada pelo grupo parlamentar.

O PCP propõe, igualmente, “uma avaliação extraordinária da política de gestão de ativos, património e perdão de dívidas no Novo Banco, da idoneidade dos seus administradores, nomeadamente no que diz respeito à política de prémios e à política salarial da administração e dos gestores de topo”.

 

Deixe uma resposta

Loading…

0

Covid-19: Oitenta e um casos em três empresas do concelho de Azambuja – DGS

Taxa de incidência da tuberculose atingiu em 2018 novo máximo desde 2010 – INE