in

Prisão preventiva para detidos em operação policial na Quinta da Fonte em Loures

Os sete homens que foram detidos numa operação policial no bairro da Quinta da Fonte, em Loures, na segunda-feira, ficaram em prisão preventiva, a medida de coação mais gravosa, revelou hoje à agência Lusa a Polícia Judiciária (PJ).

Os detidos foram presentes a primeiro interrogatório judicial na terça-feira.

Na segunda-feira, as sete pessoas foram detidas numa operação conjunta da Polícia de Segurança Pública e da Polícia Judiciária naquele bairro do distrito de Lisboa.

Numa nota, a PJ explicou que foram identificados e detidos sete homens, entre os 18 a os 24 anos de idade, por fortes indícios da participação “em diversos factos que configuram a prática de crimes de homicídio na forma tentada, roubo qualificado, posse de armas proibidas e incêndios”.

Nesta operação policial, designada “Tenaz”, foram efetuadas várias buscas domiciliárias e executadas diversas apreensões, nomeadamente de armas de fogo e brancas, munições e dezenas de doses de produto estupefaciente, tendo sido recuperados alguns bens roubados.

Deixe uma resposta

Loading…

0

Vacinas administradas em maio caíram mais de 40%

Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões exige helicóptero no território