in

PSP abre processo disciplinar a agente que promoveu festa de aniversário ilegal em Cascais

Um agente da PSP está a ser alvo de um processo disciplinar após se ter confirmado que deu uma festa de aniversário ilegal em Cascais sem cumprir as normas de segurança a que a Covid obriga. 

De acordo com um comunicado da PSP, foi aberta uma investigação após a autoridade ter tido conhecimento de um vídeo que circulava nas redes sociais, onde haveria suspeita da participação de um agente, pertencente ao seu efetivo. 

As imagens da festa ilegal promovida pelo agente e também modelo Henrique Sadio foram alegadamente divulgadas por uma das convidadas.

Nessa festa participaram várias de pessoas, sem máscara e sem manter a distância recomendada. A PSP identificou o agente que promoveu a festa e este confirmou que se tratava da sua festa de aniversário.

Este artigo foi publicado originalmente no Correio da Manhã

Deixe uma resposta

Loading…

0

França regista 455 mortos nas últimas 24 horas devido ao vírus

Rui Rio quer que Marcelo seja mais exigente com o Governo mas afasta crise política