in

PSP desconstrói 121 simulações de crime durante dois anos em Loures e Odivelas

Loures, Lisboa, 25 mai 2020 (Lusa) — A Polícia de Segurança Pública (PSP) desconstruiu 121 situações de simulação de crime, entre janeiro de 2018 e maio de 2020, alegadamente cometidas nos concelhos de Loures e de Odivelas, no distrito de Lisboa, foi hoje revelado.

De acordo com Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis) da PSP, através da Divisão Policial de Loures, as simulações são normalmente de roubo de telemóveis na via pública, no sentido de obter indemnização das seguradoras.

Em comunicado, o Cometlis adiantou que, em maio, “constituiu arguidos mais dois cidadãos” por simulação de crime.

Tendo desconstruindo, até ao momento, 121 simulações de crime, a PSP indicou que as “narrativas das supostas vítimas são despistadas através de equipas especializadas”.

Segundo as autoridades policiais, os especialistas “descortinam uma série de indícios que concorrem para cenários falseados, repletos de incongruências e debilidades factuais”.

“Com efeito, e depois de confrontadas com a dimensão incoerente dos respetivos relatos, as supostas vítimas acabam por admitir que os cenários são inventados, geralmente com o intuito de obter ressarcimento por parte das seguradoras, após consulta das cláusulas de seguro”, pode ler-se no comunicado.

O Cometlis alertou ainda para o facto de as simulações de crime serem “especialmente gravosas”.

De acordo com a PSP, as ações são graves por causa do “falseamento de declarações oficiais”, “por representarem uma importante percentagem do total de crimes [roubos], em Odivelas e Loures, “pelo esforço processual inútil que provoca junto das autoridades judiciais” e “pelo falso sentimento e perceção de insegurança que causa na população”

A PSP acrescentou que as simulações de crime impulsionam um “balanceamento erróneo do dispositivo policial para locais onde efetivamente não são cometidos crimes/roubos, o que naturalmente prejudica a segurança de toda uma comunidade, que a PSP pugna por continuar a garantir”.

 

 

Sugestões para ti