Santana Lopes e Paulo Sande com situação clínica “estável e favorável” – Aliança

A situação clínica do presidente da Aliança, Pedro Santana Lopes, e do cabeça de lista às eleições europeias, Paulo Sande, é “estável e favorável”, informou hoje o partido em comunicado.

PUB

O líder do partido e o cabeça de lista às europeias sofreram hoje um acidente de viação, na autoestrada 1 (A1), quando seguiam de Coimbra para Cascais, “em ações de campanha”, dá conta a nota.

Santana foi helitransportado para o Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC), enquanto Paulo Sande seguiu de ambulância.

“De acordo com as mais recentes informações disponibilizadas pelo Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, a situação clínica de ambos é estável e favorável”, informa a Comissão Executiva da Aliança, acrescentando que “havendo nova informação”, relativamente ao estado clínico, a mesma será prestada pelo partido.

A Aliança refere também que a agenda de campanha eleitoral de ambos se encontra suspensa e que irá ser “retomada logo que o quadro clínico o permita”.

“Entretanto, a Aliança continuará as ações previstas, aguardando que estes se juntem às mesmas, com redobradas forças, com a maior brevidade possível”, lê-se na nota, na qual o partido “agradece a atuação das equipas de socorro que estiveram no local, dos médicos e enfermeiros que incansavelmente têm acompanhado” Pedro Santana Lopes e Paulo Sande.

O partido agradece também as “inúmeras mensagens de todos os militantes, simpatizantes, amigos e representantes de outras forças políticas que, nesta hora, se unem em solidariedade no desejo de rápida recuperação”.

O acidente ocorreu pouco antes das 17:30, ao quilómetro 136 da A1 (no sentido norte-sul).

A autoestrada esteve cortada ao trânsito nos dois sentidos, entre as 18:30 e as 19:27, para o helicóptero aterrar e levantar.


Recomendados

Recomendados

Comente, qual a sua opinião?
A carregar...

Outros conteúdos na web