in

Segundo suspeito da morte do ‘rapper’ Mota Jr. fica em prisão preventiva

Um segundo suspeito do rapto e homicídio do rapper Mota Jr, em março passado, foi hoje ouvido em primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva, anunciou a Polícia Judiciária.

A Polícia Judiciária adianta, em comunicado, que a detenção ocorreu em 28 de maio, no Reino Unido, para onde o suspeito fugiu após o crime, e em cumprimento de uma Mandado de Detenção Europeu, no âmbito de um inquérito titulado pelo Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Sintra e cuja investigação está a cargo da Unidade Nacional de Contra Terrorismo, da PJ.

“À ordem deste inquérito encontra-se preso preventivamente um outro suspeito, presumível coautor, na sequência de detenção concretizada, aquando da chegada a território nacional, em voo proveniente do Reino Unido, no passado mês de maio”, adianta a PJ.

Deixe uma resposta

Loading…

0

Merkel e Von der Leyen em sintonia sobre urgência na resposta da UE à crise

PCP vota contra Orçamento Suplementar na votação final global no parlamento