in

Sondagem coloca PS na maioria absoluta. E o Chega no terceiro lugar

Tiago Miranda

Os socialistas com 44,8% estariam com maioria absoluta, se as eleições fossem hoje, mostra sondagem da Pitagórica para o JN. A maior subida seria do partido de André Ventura.

O PS com 44,8%, subindo face aos 41,9% de abril. Os sociais-democratas de Rui Rui a larga distância: 24,1%, mesmo subindo ligeiramente face aos 23,1% do mesmo mês. Mas com tamanha distância e perto dos 45% das intenções de voto, é seguro dizer que o PS poderia ter maioria absoluta se as legislativas fossem hoje, mostra a sondagem da Pitagórica para o JN, publicada este domingo.

A vantagem do PS face ao PSD é maior no Grande Porto, Centro e Grande Lisboa, precisamente onde há maior concentração populacional. E só não existe na faixa etária dos 45 aos 54 anos.

Nesse inquérito, a maior surpresa é a terceira posição obtida pelo Chega. O partido de Ventura até desce face ao mês de abril – de 7,3% para 6,4%, mas como o Bloco desce mais (de 8,1% para 6,1%), o partido chega ao pódio da sondagem. Assim, Bloco seria o quarto partido e o PCP o quinto (com 5,8% das intenções de voto, com ligeira subida de 0,2 pontos percentuais.

Com o PAN nos 3.3%, o CDS é sexto na sondagem (2,8%), enquanto a Iniciativa Liberal fica pelos 1,6%.

Este artigo foi publicado originalmente no Expresso

Deixe uma resposta

Loading…

0

Extrema-direita pode ser base para “entrada” de “aceleracionistas” – Abílio Morgado

Covid-19: Sindicatos queixa-se à Provedora sobre regime excecional que exclui médicos