in

Suspeito da autoria de disparo no interior de discoteca em Coimbra detido pela PJ

Coimbra, 06 jul 2020 (Lusa) – A Polícia Judiciária (PJ) anunciou hoje a detenção de um homem de 37 anos, antigo segurança, suspeito da autoria de um disparo no interior de uma discoteca em Coimbra e de agressão a um cliente.

O homem foi detido pela Diretoria do Centro da PJ, em cumprimento de um mandado emitido pelo Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Coimbra, e é suspeito dos crimes de ofensa à integridade física, coação e detenção de arma proibida, por factos ocorridos na madrugada de 13 de outubro de 2019.

“O indivíduo agora detido, que na altura exercia a atividade profissional de segurança numa discoteca no centro de Coimbra, terá agredido com grande violência um cliente daquele espaço de diversão noturna, que procurou entrar no estabelecimento, perto da hora de encerramento, infligindo-lhe múltiplos socos, parte dos quais com recurso a uma soqueira”, refere a PJ em nota de imprensa enviada à agência Lusa.

O comunicado sustenta que, na altura, o segurança “muniu-se de uma arma de fogo, efetuando um disparo na direção do teto, numa altura em que se encontrava no local um grande aglomerado de clientes”.

Em seguida, o suspeito apontou a arma “na direção da vítima, coagindo-a a abandonar o local”, acrescenta a PJ.

A Polícia Judiciária afirma ainda que na investigação que efetuou “foram recolhidos elementos probatórios que permitiram reconstituir a sequência dos acontecimentos”.

O detido, que não possui antecedentes criminais, foi presente a tribunal para determinação de medidas de coação e está sujeito a apresentações bissemanais às autoridades, proibição de contactos com a vítima e inibição de acesso a armas de fogo, adianta a PJ.

Deixe uma resposta

Loading…

0

Encontrado morto na cela jovem suspeito do homicído de colega da universidade

Colheita mecânica noturna em olival superintensivo provoca mortalidade de aves