in

“Tinha os olhos abertos e estava a olhar fixamente”: Valentina tentou pedir ajuda à madrasta após ter sido espancada pelo pai

Foto: Direitos Reservados

Valentina, a menina de nove anos que morreu às mãos do pai e da madrasta, em Peniche, sofreu um autêntico calvário de tortura na noite em que perdeu a vida, e agora, sabe-se que tentou apelar à ajuda da madrasta, ainda que através da linguagem corporal.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Na noite em que viria a morrer, o progenitor começou por queimar-lhe os pés com água muito quente durante o banho, enquanto lhe batia nas pernas e rabo. Sandro tentou ainda asfixiar a menina, tudo na presença da madrasta, Márcia. Uma forte chapada na cabeça acabaria por ser fatal. O casal deixou a criança morrer no sofá. 

De acordo com um despacho ao qual a revista SÁBADO teve acesso, a menina tentou pedir uma “ajuda final” à madrasta, quando as convulsões já atacavam o seu corpo – em resultado do espancamento – e as forças já eram quase nulas.

“Nesse momento, a arguida Márcia percebeu que a menor Valentina tinha os olhos abertos e que estava a olhar fixamente para ela, com um ‘olhar de pedido de ajuda’, reparando que ela mexia os olhos na sua direção”, pode ler-se.

Mas a ajuda nunca chegou. A menina foi deixada a morrer no sofá da casa. Ao longo de 13 horas de agonia, nunca foi amparada por Sandro ou por Márcia, que permaneceram em casa, indiferentes à dor da menina.

O corpo de Valentina foi encontrado sem vida numa zona de mato junto à estrada que segue para a Serra d’el Rey, no distrito de Leiria, coberto por giestas.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Foi transportada para o local pelo pai e pela madrasta, que esta quarta-feira foram colocados em prisão preventiva.

Sandro Bernardo está indiciado do homicídio qualificado e violência doméstica. Márcia está igualmente acusada de homicídio qualificado. Ambos os arguidos estão ainda acusados do crime de profanação de cadáver. A madrasta da menina foi para a cadeia de Tires, enquanto o pai vai ficar em preventiva no Estabelecimento Prisional de Lisboa.

Este artigo foi publicado originalmente no Correio da Manhã

PUBLICIDADE  

Receba notícias de última hora e ainda informações importantes sobre Portugal e o mundo, basta clicar no gosto da nossa página de facebook ➜  

Receba notícias de última hora e ainda informações importantes sobre Portugal e o mundo, basta clicar no gosto ➜  

Receba notícias de última hora e ainda informações importantes sobre Portugal e o mundo, basta clicar no gosto ➜  

Deixe uma resposta

Loading…

0

ARTIGOS RECOMENDADOS

Covid-19: Tráfego aéreo gerido pela NAV caiu 94% em abril para 4.018 voos

Covid-19: Taxa de recuperados aumenta 90% desde o início do desconfinamento