Vídeo: Padre empurrado de altar afirma ter sido salvo: “Foi um milagre. Deus é maior que a fúria do inimigo…”

O padre Marcelo Rossi foi empurrado por uma mulher do altar de uma igreja durante uma missa, este domingo, em Cachoeira Paulista, no Estado de São Paulo, no Brasil.

A mulher acabou por ser detida pela polícia militar. O padre já veio a público descansar os fiéis. Disse que o facto de não ter sofrido nenhum ferimento se tratou de “um milagre”.

Num vídeo publicado no Youtube, o sacerdote afirmou ter ficado com dores na perna, mas que felizmente não bateu com a cabeça nem lesionou a coluna.

“Se você duvida da serpente e do divino, veja ontem. Creia, fui salvo. Foi um milagre. Não bati a cabeça. Todos sabem que tenho problema na coluna. Não tocou a coluna. Machucou muito a perna, mas tudo consertado. Só agradecer a Deus, amém”, disse.

“Misericórdia. Realmente não há uma explicação. Não tenho como me defender. Foi só a Mãe mesmo. Graças a Deus estou aqui, para servir e mais do que nunca guerrear, porque a fúria do inimigo, vocês viram, mas Deus é maior.”, concluiu.

O padre caiu da estrutura, mas voltou ao palco minutos depois para continuar a celebração.

A agressora tem 32 anos e a polícia local tomou conta da ocorrência.

Veja aqui:

Outros conteúdos na web

Comente, qual a sua opinião?
A carregar...

Recomendados

Recomendados