Vodafone realiza primeiros testes de 5G em Portugal e atinge velocidades de 20Gbps

Detectamos que usa um AdBlock

Utilizamos anúncios para ajudar a manter o nosso site, considere desativar o AdBlock (bloqueador de anúncios) no nosso site para poder ver os conteúdos.

Os nossos anúncios não são intrusivos!

A Vodafone realizou hoje os primeiros testes de 5G em Portugal, antecipando aquela que será a rede móvel do futuro.

A demonstração foi feita em parceria com a Ericsson e aconteceu no Edifício Sede da Vodafone Portugal, tendo sido atingidas velocidades de 20Gbps ‘over the air’, ou seja, sem recurso a ligação por cabo.

Os testes realizaram-se em ambiente controlado na Vodafone Portugal e incluíram a transmissão de ficheiros para dois equipamentos móveis, em condições reais de propagação, a velocidades multi-Gbps (mais do que 1Gbps).

A par disso, foi utilizada a tecnologia de ‘beam tracking’ e multi user MIMO, na qual assenta o 5G e que permite, através de feixes distintos nas antenas, transmitir dados de forma muito mais direcionada, servindo com maior eficácia vários utilizadores em simultâneo.

Este sistema otimiza as comunicações móveis, melhorando a velocidade por utilizador e obtendo maior eficiência espectral.

Foram ainda demonstradas algumas das potencialidades que esta inovação tecnológica vai permitir no futuro em termos de experiência de utilização, como por exemplo a visualização em tempo real de um vídeo Ultra HD/4K para um equipamento móvel em movimento sem perda de qualidade.

Os testes comprovaram também a redução de latência ou tempo de resposta do sistema rádio 5G, que vai ser um facilitador para comunicações críticas em tempo real, fiáveis e de elevado débito, tais como veículos inteligentes ou autónomos, ou operação remota de robótica.

Em paralelo, a Vodafone demonstrou velocidades de 1Gbps na sua rede 4,5G live. Trata-se do state of the art da tecnologia no seu estado mais evoluído, que está já hoje disponível para qualquer Cliente.

A Vodafone já comercializa alguns dos equipamentos preparados para atingirem estas velocidades, sendo expectável que mais modelos surjam no mercado nos próximos meses.

“Este é mais um marco na história de inovação da Vodafone Portugal que, ao preparar a sua rede móvel para uma transição progressiva para as comunicações de quinta geração, contribui para melhorar significativamente a experiência de telecomunicações dos utilizadores, levando a mais avançada tecnologia aos seus Clientes”, refere João Nascimento, CTO da Vodafone Portugal.

Apontada como a tecnologia que irá revolucionar o futuro das telecomunicações, além de conectar pessoas, acredita-se que será o 5G a potenciar a comunicação entre máquinas.

O volume de dados gerado pela Internet of Things (IoT), a par da necessidade de velocidades cada vez mais exigentes e resiliência das comunicações, são os fatores que determinam a mudança para o novo paradigma.

Qual a sua opinião?